Logo BP Money
Apple (APPL34) e Kim Kardashian lançam nova coleção de fones
Locaweb (LWSA3) é “top pick” no setor, defende BofA
Web 3.0

Leilão: esqueleto de dinossauro é vendido por R$ 31 milhões

O fóssil fazia parte da segunda edição da semana geek organizada pela casa de leilões

por Redação BP Money

29 de julho de 2022 17:00Atualizado em: 29 de julho de 2022 17:03
Leilão: esqueleto de dinossauro é vendido por R$ 31 milhões
Foto: Reprodução / Sotheby/s

Um raro esqueleto de Gorgossauro foi vendido US$ 6 milhões (R$ 31 milhões na cotação atual), em leilão da Sotheby's, em Nova York, nesta quinta-feira (28). O fóssil fazia parte da segunda edição da semana geek organizada pela casa de leilões.

O gorgossauro é um parente distante do tiranossauro rex. O raro exemplar, um esqueleto completo do animal, foi comprado por um anônimo. Existem apenas outros 20 exemplares similares a esse em todo o mundo.

Além do Gorgossauro, outros esqueletos e fósseis de animais extintos há milhões de anos também estavam à disposição dos compradores interessados no leilão da Sotheby's, segundo a Revista Pegn. 

Assim como dinossauro, jaqueta de astronauta é vendida por R$ 14 milhões

A jaqueta usada pelo astronauta americano Buzz Aldrin em sua viagem à Lua. Aldrin foi o segundo ser humano a pôr os pés no satélite da Terra, logo depois de seu companheiro na Apollo 11, Neil Armstrong.

Uma coleção de itens do astronauta estavam à venda na casa de leilões. Sua jaqueta foi comprada por US$ 2,8 milhões (R$ 14 milhões). 

Outros itens famosos também já foram a leilão

A guitarra azul usada por Kurt Cobain no videoclipe da música “Smells Like Teen Spirit”, da banda norte-americana Nirvana, foi leiloada em maio deste ano. Ela foi vendida por US$ 4,5 milhões, aproximadamente R$ 22 milhões na época. 

“Esta é uma das guitarras mais icônicas a chegar ao leilão, a guitarra azul Mustang Fender, uma das favoritas de Kurt Cobain”, afirmou Martin Nolan, diretor executivo da casa de leilões em entrevista a “Reuters”.

Entrando no mundo do futebol, também foi leiloada a camisa argentina de Diego Maradona, um dos maiores jogadores da história. A peça usada por ele contra a Inglaterra, pelas quartas de final da Copa do Mundo de 1986, foi arrematada por um lance recorde de US$ 9,28 milhões (R$ 44,8 milhões na cotação da época)

O valor quebrou o recorde na categoria de artigos esportivos em um leilão, ao superar a venda do Manifesto Olímpico original, de 1982, que custou US$ 8 milhões (R$ 40,1 milhões).