Logo BP Money
Ações da Heringer (FHER3) recuam mais de 12% com alerta de fraude
Ações do Nubank (NUBR33) disparam após balanço do 2T22
Brasil

Haddad ganha apoio da Rede, de Marina Silva, na disputa pelo governo de São Paulo

O partido anunciou neste sábado (11) alinhamento à candidatura do PT para o estado e apresentou suas diretrizes para o plano de governo

Beatriz Pacheco

por Beatriz Pacheco

11 de junho de 2022 14:55Atualizado em: 11 de junho de 2022 14:57
Haddad ganha apoio da Rede, de Marina Silva, na disputa pelo governo de São Paulo

A Rede Sustentabilidade anunciou neste sábado (11) o apoio à candidatura de Fernando Haddad (PT) para o Governo do Estado de São Paulo. O cargo de vice na chapa de Haddad não está definido e ainda depende de conversas dentro do partido. O evento contou com a presença da ex-ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, que reconheceu suas divergências com o PT, mas disse, em resposta aos jornalistas presentes, tratar suas diferenças políticas “com diálogo”. 

Com residência em São Paulo, Marina Silva vem sendo cotada como candidata a uma vaga na Câmara dos Deputados, mas sua aproximação da chapa de Haddad indica que a fundadora e líder da Rede Sustentabilidade poderia assumir a posição de vice-governadora do estado. Outro nome cogitado nos bastidores para possível vice é o de Marina Helou (Rede Sustentabilidade), hoje deputada estadual pelo partido de Silva.

Na oficialização da candidatura de Fernando Haddad, a Rede apresentou suas diretrizes para o plano de governo nas agendas de meio ambiente, desenvolvimento sustentável e geração de emprego e renda. O documento tratou da necessidade de preservação de áreas ambientais no Estado, demarcação de terras indígenas, representatividade feminina na política, desenvolvimento de políticas econômicas, combate ao racismo, entre outros temas.

Haddad lidera pesquisas de intenção de votos para governo do Estado de São Paulo

A pesquisa eleitoral Exame/IDEIA, divulgada na última quarta-feira (8), mostra Fernando Haddad (PT) na liderança das intenções de voto ao governo de São Paulo. O ex-prefeito e pré-candidato pelo PT aparece como preferência de voto por 27% dos eleitores. Em seguida aparecem,Tarcísio de Freitas (Republicanos), com 17%; Márcio França (PSB), com 14%; e Rodrigo Garcia (PSDB), que aparece com 11%.

A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, por isso Freitas, França e Garcia são considerados tecnicamente empatados.  A pesquisa ouviu 1,2 mil pessoas do estado de São Paulo entre os dias 3 e 8 de junho. As entrevistas foram feitas por telefone, com ligações tanto para fixos residenciais quanto para celulares. 

No fim de maio, a Paraná Pesquisas havia divulgado levantamento feito entre os dias 22 e 26 de maio de 2022 que apontava Haddad à frente dos outros pré-candidatos ao governo de São Paulo, com 28,6% dos votos válidos.