Logo BP Money
Criptomoedas: 51% dos latino-americanos já utilizaram ativos digitais, aponta pesquisa da Mastercard
AliExpress anuncia ampliação no número de voos para o Brasil
Negócios

Petz (PETZ3): XP vê alta de 35% para ação e destaca potencial da empresa

Relatório da corretora analisa que varejista tem grandes perspectivas de crescimento e coloca a Zee.Dog como diferencial

Daniel Gateno

por Daniel Gateno

4 de abril de 2022 16:44Atualizado em: 31 de maio de 2022 9:21
Petz (PETZ3): XP vê alta de 35% para ação e destaca potencial da empresa

A XP iniciou nesta segunda-feira (4) a cobertura de Petz (PETZ3) com uma recomendação de compra e preço-alvo para R$ 26, uma valorização de cerca de 35% ante o fechamento de sexta-feira (1). De acordo com a corretora, a empresa de varejo de produtos para animais tem um histórico de resiliência e o mercado pet possui grande poder de crescimento no Brasil.

Em relatório divulgado pela XP, os analistas afirmam que a Petz (PETZ3) tem potencial para liderar a consolidação do mercado no País com o seu modelo de grandes lojas e o aumento de produtos e serviços em seu portfólio. A corretora ainda afirma que o Brasil conta com a terceira maior população pet do mundo, o que abre portas para o desenvolvimento deste mercado.

 XP ressalta a importância da Zee.Dog dentro da Petz

O relatório divulgado pela corretora destaca as alavancas de crescimento oriundas de empresas adquiridas pela XP, como a Zee.Dog. A corretora analisa que a empresa de varejo de produtos para animais se diferencia no mercado por ter a Zee.Dog em seu portfólio.

De acordo com a XP, a Zee.Dog tem uma expertise para a criação de produtos inovadores e é “transformacional” na visão dos analistas.

A corretora diz ainda que no cenário base descrito por eles, Zee.Dog adiciona R$ 4,2 por ação, o que está incluído no preço alvo descrito pela XP.

Apesar de os papéis da empresa serem negociados a um múltiplo de 61 vezes o preço-lucro de 2022 e 43 vezes em 2023, a XP afirma que é justificado pelas fortes perspectivas de crescimento da companhia.

A corretora espera que a Petz (PETZ3) chegue a 328 lojas em 2025, quase dobrando o número atual. A empresa deve focar em investir em destinos fora do eixo Rio-São Paulo.

Veja também: Ação da Petz cai após balanço do 4TRI21

As ações da empresa caíram depois que a varejista divulgou que o lucro líquido da varejista no último trimestre de 2021 foi de R$ 31,863 milhões, representando uma alta de 16,2%  frente à comparação anual.

O balanço da Petz divulgado em março deste ano fez com que os papéis recuassem 0,50%, avaliados em R$ 17,78.
 

 

Daniel Gateno

Daniel Gateno

Repórter do BP MoneyRepórter do BP Money, é formado em Jornalismo pela PUC-SP. Foi estagiário da BandNews FM e produziu matérias sobre economia, política e internacional