Logo BP Money
China: exportações crescem acima do esperado em julho
Golpes bancários disparam e devem gerar prejuízos bilionários em 2022
Negócios

Berkshire Hathaway registra prejuízo líquido de US$ 43,7 bi no 2T22

As receitas totais da Berkshire Hathaway foram de US$ 76,180 bilhões

por Redação BP Money

6 de agosto de 2022 13:54Atualizado em: 6 de agosto de 2022 14:01
Berkshire Hathaway registra prejuízo líquido de US$ 43,7 bi no 2T22
Warren Buffett é CEO da companhia | Foto: Reprodução / Youtube

A Berkshire Hathaway (BERK34) reportou prejuízo líquido aos acionistas de US$ 43,755 bilhões no segundo trimestre de 2022, revertendo lucro de US$ 28,094 bilhões registrados no mesmo período no ano passado. 

Além disso, a Berkshire Hathaway também registrou prejuízo antes do imposto de renda e questões ligadas ao método de equivalência patrimonial foi de US$ 55,713 bilhões, ante um resultado positivo de US$ 35,574 bilhões um ano antes.

As receitas totais da companhia foram de US$ 76,180 bilhões, frente a US$ 69,114 bilhões registrados no mesmo período de 2021. 

Já as perdas ligadas investimento e derivativos foram de US$ 66,919 bilhões, ante ganhos de US$ 27,394 bilhões no período correspondente do ano passado.

Berkshire Hathaway diminui recompra de ações

De acordo com a companhia, que tem como CEO o empresário Warren Buffet, foram usados US$ 1 bilhão para recomprar ações da própria empresa durante o segundo trimestre.

No entanto, no semestre, foram usados US$ 4,2 bilhões para este fim. Com isso, de abril a maio, houve menos recompras do que nos primeiros três meses de 2022.

Apesar do prejuízo líquido aos acionistas de US$ 43,7, a companhia teve ganhos operacionais. Para essa linha do balanço, a empresa reportou US$ 9,283 bilhões, frente a US$ 6,686 bilhões de um ano antes.

Berkshire Hathaway aumenta participação na Occidental Petroleum

Em documento regulatório divulgado no final de junho, a Berkshire Hathaway afirmou ter gastado cerca de US$ 529 milhões para comprar quase 9,6 milhões de ações da Occidental Petroleum (OXYP34)

O conglomerado de Buffett agora detém uma participação de 16,3% na Occidental Petroleum, tornando-se de o maior proprietário dos papéis. 

O bilionário norte-americano, além da Occidental, vem apostando em outra empresa de energia, a Chevron (CHVX34). Os executivos da Berkshire Hathaway, Ted Weschler e Todd Combs, administram o portfólio junto com o Buffet.