Privacidade e cookies: Utilizamos cookies no nosso website para melhorar o desempenho e a sua experiencia como utilizados.Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso. Visite nossa Política de Cookies para saber mais.
Ícone do aplicativo na loja

BP Money

Grátis na App Store

Abrir

Bolsa

Ibovespa salta 1,24% repercutindo prévia da inflação

Redação BP Moneyem 25 de novembro de 2021 18:17
  • No Brasil, o IPCA-15 avançou 1,17%, dentro das estimativas de analistas;
  • Os Estados Unidos estão com as bolsas fechadas devido ao feriado do Dia de Ação de Graças;
  • Na Europa, foi anunciado acordo entre partidos e Olaf Scholz será o novo chanceler da Alemanha em dezembro;
  • A Câmara dos Deputados aprovou o texto-base da MP que cria o Auxílio Brasil.

O Ibovespa saltou 1,24% no pregão desta quinta-feira (25). O principal índice da B3 repercutiu a divulgação do IPCA-15, conhecido como a prévia da inflação, que veio em linha com o esperado pelos analistas. Liderando os ganhos do benchmark, as ações do Banco Pan dispararam após a aprovação do Cade sobre a incorporação do Mosaico à fintech. Além disso, os investidores seguem atentos aos desdobramentos da PEC dos Precatórios.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou a prévia da inflação do mês de novembro, o Índice de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA). O indicador apresentou alta de 1,17% no período, sendo a maior alta para o mês desde 2002 e dentro das estimativas de analistas, que projetavam um avanço de 1,1%. No acumulado do ano, a inflação avançou 9,57%, e em 12 meses, 10,73%, maior que os 10,34% dos 12 meses anteriores.

Apesar da alta ter vindo em linha do esperado, os especialistas fizeram alerta sobre a elevação dos preços da gasolina e da energia. O valor do combustível acumula alta de 48% nos últimos 12 meses e tende a se elevar ainda mais, segundo analistas. Em relação a energia, houve um avanço de 0,93% ante ao crescimento de 3,91% em outubro.

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a incorporação da Mosaico, dona do Buscapé, pelo Banco Pan, controlado pelo BTG Pactual. Como resultado da operação, o capital social da Mosaico passará a ser 100% detido pelo Banco Pan. 

As ações da fintech acumularam alta de 8,54%, liderando os ganhos do Ibovespa. Os papéis do BTG também estiveram entre as maiores elevações, com valorização de 5,55%.

A Câmara dos Deputados aprovou o texto-base da Medida Provisória (MP) que cria o Auxílio Brasil, programa social de transferência de renda que substitui o bolsa família. s alterações no texto sugerem a ampliação do número de famílias beneficentes e, com isso, deve pressionar a verba do novo benefício já em 2022.

Nos Estados Unidos, o mercado permaneceu fechado por conta do feriado do Dia de Ação de Graças.

Na Europa, foi anunciado um novo acordo para governo de coalizão na Alemanha entre o Partido Social Democrata, o Partido Verde e o Partido Liberal Democrata. Assim, o ex-ministro das Finanças da Alemanha, Olaf Scholz, deverá se tornar o novo chanceler do país quando Angela Merkel, da União Democrata Cristã, deixar o cargo no início de dezembro. 

Ibovespa
O índice avançou 1,24% na sessão, aos 105.811. O volume negociado foi de R$ 21 bilhões

Dólar
A moeda norte-americana recuou 0,53% a R$ 5,565 na compra e na venda.

Índice pela tarde

Às 14h41 (horário de Brasília), o principal benchmark da bolsa registrava alta de 1,63% aos 106.217 pontos. O dólar recuava 0,58% a R$ 5,56.

Índice ao meio-dia

Às 12h03 (horário de Brasília), o Ibovespa operava em alta de 1,31% aos 105.879 pontos. O dólar tinha queda de 0,48% a R$ 5,57.

No início da tarde desta quinta-feira (25), o Ibovespa sobe com investidores repercutindo a prévia da inflação, divulgada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Entre os destaques da bolsa estão os papéis ligados à economia local.

Como foi a abertura do Ibovespa?

Às 10h13 (horário de Brasília), o Ibovespa operava em alta de 0,57% aos 105.107 pontos. O dólar tinha queda de 0,23% a R$ 5,58.

Nesta manhã, o Ibovespa sobe com mercado atento à prévia da inflação nacional. O Índice de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), apresentou alta de 1,17% em novembro. Essa foi a maior variação para o mês desde 2002, quando o índice foi de 2,08% (veja mais aqui). No acumulado do ano, o indicador avançou 9,57%, e em 12 meses, 10,73%, maior que os 10,34% dos 12 meses anteriores.

Nos destaques corporativos, a CSN informou que fechou um acordo de incorporação da totalidade dos papéis de emissão da Metalgráfica Iguaçu pela companhia. Já a Hapvida, teve sua aquisição da carteira Plamed negada pelo Tribunal do Conselho Administrativo de Direito Econômico (Cade). Veja o que é notícia no cenário empresarial aqui

Pré abertura da Bolsa

Ampliando os ganhos da sessão anterior, o Ibovespa fechou com alta de 0,83% no pregão de quarta-feira (24). O resultado veio em meio a votação da PEC dos Precatórios na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado. Além disso, os papéis de siderúrgicas se destacaram, com o minério de ferro apresentando altas após a retomada de usinas chinesas.

A manhã desta quinta-feira (25) está marcada com a notícia de que a Petrobras elevou em 24% o total projetado de investimentos até 2026, somando US$ 68 bilhões (R$ 353,6 bilhões). Além disso, investidores aguardam a divulgação da prévia da inflação, o IPCA-15.

No exterior, os Estados Unidos estão com as bolsas fechadas devido ao feriado do Dia de Ação de Graças. Na véspera, os papéis dos EUA registraram um tímido avanço, após membros do Federal Reserve sinalizarem estar preparados para elevar os juros se a inflação continuar avançando.

Na Europa, o índice Stoxx 600, que reúne ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 economias europeias, sobe 0,5%, com o setor de tecnologia liderando os ganhos.

Ainda no radar, investidores seguem monitorando os novos casos de Covid-19 na zona do euro, com países implementando medidas de restrição de mobilidade.

Na véspera, foi anunciado um novo acordo para o governo de coalizão na Alemanha entre o Partido Verde, o Partido Social Democrata e o Partido Liberal Democrata. Desta forma, o ex-ministro das Finanças do país, Olaf Scholz, deverá se tornar o chanceler da Alemanha quando Angela Merkel deixar o cargo em dezembro.

As bolsas asiáticas apresentaram resultados variados entre si, com investidores reagindo à decisão do Banco da Coreia de elevar em 0,25 ponto percentual a taxa de juros, a 1% ao ano. Segundo o InfoMoney, o aumento já era esperado por analistas ouvidos pela Reuters, devido aos sinais de recuperação da economia do país.

No que diz respeito às commodities, os preços do barril tipo Brent sentiu um tímido avanço, à medida que o tipo WTI teve leve retração. Já o minério de ferro negociado em Dalian fechou em alta.
 
Confira os principais índices às 7h50:

Bolsas dos EUA estão fechadas devido a feriado

IFIX [-0,65%]
 
ÁSIA
Nikkei 225 [+0,67%]
S&P/A SX 200 [+0,11%]
Hang Seng [+0,22%]
Shanghai [-0,24%]
 
EUROPA
DAX [+0,10%]
FTSE 100 [+0,11%]
CAC 40 [+0,17%]
SMI [+0,17%]
 
COMMODITIES
Ouro [+0,36%] US$ 1.790,65
Prata [+0,62%] US$ 23,642
Cobre [+0,73%] US$ 4,4915
Petróleo WTI [-0,10%] US$ 78,31
Petróleo Brent [+0,13%] US$ 82,36
Minério de ferro futuro [+0,36%] US$ 94,33

Relacionadas