Ícone do aplicativo na loja

BP Money

Grátis na App Store

Abrir
Logo BP Money
Drake perde mais de R$ 1 milhão após apostar em piloto da Ferrari na Fórmula 1
Paola Carosella: restaurante de chef é atacado nas redes após polêmica
Infleet: logtech baiana capta R$ 2,6 milhões com DOMO e Bossanova liderando
Mercado

Ibovespa cai 0,61% e reduz para 111 mil pontos

O dólar tinha queda de 0,69%, sendo cotado a R$ 5,38.

por Redação BP Money

28 de janeiro de 2022 12:29
Ibovespa cai 0,61% e reduz para 111 mil pontos

Às 12h27 (horário de Brasília) o Ibovespa apresentava quedas de 0,61%, aos 111.923 pontos. O dólar tinha queda de 0,69%, sendo cotado a R$ 5,38.

O índice operou durante o primeiro turno do pregão oscilando entre perdas e ganhos com investidores que seguem cautelosos com dúvida sobre o ritmo que o Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) deve adotar ao lidar com o juros e consequentemente a inflação norte-americana.

O radar acompanhou a divulgação do Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), que ficou em 1,82% em janeiro, após variar 0,87% no mês anterior, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV).

Os papéis da Braskem (BRKM5) lideravam com melhor rendimento na sessão do meio-dia com alta de 8,32%, a R$ 50,38.

Enquanto isso, as ações ordinárias da Locaweb tinham pior desempenho, com queda de 5,75%, sendo cotados a R$ 8,69.

O Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários (IFIX), negociado na B3, tinha leve avanço de 0,08%, aos 2.769 pontos.

O BCFF11 tinha o melhor desempenho do pregão no período do meio-dia, que subia 1,58%, a R$72,9.

Já o ativo BLMR11 obtinha destaque negativo ao atingir pior desempenho, com recuo de 2,54%, a R$ 7,88.    

Como foi a abertura do Ibovespa?

O principal índice da bolsa de valores brasileira, a B3, iniciou o pregão desta sexta-feira (28) em queda de 0,35%, aos 112.221 pontos. O dólar recuava 0,38%, sendo cotado a R$ 5,40.

O mercado acompanhou os resultados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), divulgada nesta manhã pelo IBGE, que revelou que uma redução na taxa de desemprego para 11,6% no trimestre encerrado em novembro de 2021, refletindo um recuo de 1,6 ponto em relação aos três meses anteriores. 

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) se pronunciou no inicio da manhã, por meio de comunicado, sobre a polêmica envolvendo a distribuição de rendimentos pelo fundo imobiliário Maxi Renda, negociado sob o código MXRF11, após uma recente decisão do colegiado da autarquia. Foi divulgado um esclarecimento sobre o texto, que, de acordo com o órgão, os recorrentes poderão apresentar um pedido de reconsideração se julgarem necessário.

Confira a abertura do Ibovespa na íntegra.

Pré-abertura da Bolsa

Na manhã desta sexta-feira (28), as principais bolsas mundiais operam sem sentido definido, com os índices futuros norte-americanos apresentando leve queda.

Ainda nos Estados Unidos, a decisão do Fed, seguida da fala de Jerome Powell, presidente da instituição, levaram a um reajuste na projeção do aumento dos juros neste ano. O índice de preços de gasto com consumo (PCE, na sigla em inglês) de dezembro, indicador preferido para medir inflação do Fed, será divulgado nesta manhã, recebendo a atenção de investidores.

As bolsas estadunidenses tiveram uma semana volátil, marcada por decisões referentes à política monetária do país. Na véspera foi noticiado que o PIB norte-americano avançou 6,9% no quarto trimestre de 2021

Em relação às commodities, o petróleo registra alta nas negociações em Londres e Nova York, seguindo para a sexta semana consecutiva de ganhos, à medida que temores sobre menor oferta se espalham. Além disso, o minério de ferro também apresentou uma manhã de ganhos, com atenção para as políticas de estímulo na China que podem aumentar a demanda pelo produto.

Confira a pré-abertura do mercado aqui.