Logo BP Money
China: exportações crescem acima do esperado em julho
Golpes bancários disparam e devem gerar prejuízos bilionários em 2022
Mercado

Amazon (AMZO34) compra iRobot por US$ 1,7 bilhão

Os equipamentos da marca farão parte do portfólio de robôs domésticos da gigante da tecnologia

por Redação BP Money

5 de agosto de 2022 14:46Atualizado em: 5 de agosto de 2022 15:41
Amazon (AMZO34) compra iRobot por US$ 1,7 bilhão
Amazon informou que pagará US$ 61 por ações pelo iRobot / Creative Commons

A Amazon (AMZO34) anunciou a compra da iRobot Corp., por US$ 1,7 bilhão, fabricante de aspiradores robô iRobot. Os equipamentos da marca farão parte do portfólio de robôs domésticos da gigante da tecnologia. 

Nesta sexta-feira (05), a Amazon informou que pagará US$ 61 por ações pelo iRobot, em um acordo feito em dinheiro.

“Ao longo de muitos anos, a equipe da iRobot provou sua capacidade de reinventar a forma como as pessoas limpam com produtos incrivelmente práticos e inventivos – desde a limpeza quando e onde os clientes desejam, evitando obstáculos comuns em casa, até o esvaziamento automático da lixeira”, afirmou Dave Limp, chefe de dispositivos de hardware da Amazon em comunicado da empresa.

Amazon quer transformar Alexa em plataforma de anúncios

A Amazon (AMZO34) está entrando de cabeça nos itens de tecnologia. Para além de suas funções básicas, a Alexa (assistente virtual por voz da Amazon) deve ganhar novas funções para incentivar o serviço de compras por voz. A companhia tem convidado desenvolvedores para anunciar em seus aplicativos vinculados à plataforma de voz. As informações são da "Bloomberg" e foram divulgadas em 24 de julho. 

Os novos anúncios na Alexa podem gerar um novo fluxo de receita para a companhia, atraindo também novos usuários. 

Segundo informações da "Bloomberg", a maioria dos usuários da Alexa utilizam a plataforma para coisas básicas, como pesquisas de curiosidades e cronômetro. 

Isso ocorre porque os usuários têm dificuldade de encontrar aplicativos compatíveis com a Alexa. O serviço de voz inteligente, muitas vezes, acaba atrasando a experiência do usuário, que possui um smartphone em mãos, por exemplo, e pode realizar as pesquisas rapidamente através dos mecanismos de texto.

De acordo com Aaron Rubenson, vice-presidente da Amazon especializado em ferramentas para desenvolvedores, as promoções pagas são "algo que os desenvolvedores pediram". 

De acordo com a Amazon, existem 130 mil aplicativos compatíveis com a Alexa. Apesar de parecer um bom número, olhando para a concorrência, a Alexa fica muito atrás na corrida da tecnologia por voz. O iPhone conta com 2 milhões de aplicativos compatíveis com a Siri (inteligência artificial por voz da Apple).