Ícone do aplicativo na loja

BP Money

Grátis na App Store

Abrir
Logo BP Money
Imposto de Renda: Receita Federal libera consulta da restituição
Drake perde mais de R$ 1 milhão após apostar em piloto da Ferrari na Fórmula 1
Paola Carosella: restaurante de chef é atacado nas redes após polêmica
Mercado

Adeus LAME3 e LAME4: Lojas Americanas se despede da B3

Papéis da varejista deixam de ser negociados na bolsa a partir da próxima segunda (24)

por Leonardo Almeida

21 de janeiro de 2022 19:00
Adeus LAME3 e LAME4: Lojas Americanas se despede da B3

As ações das Lojas Americanas (LAME3;LAME4) se despediram da Bolsa de Valores na sessão desta sexta-feira (21). Isso ocorre porque os ativos deixam de ser negociados na B3 a partir da próxima segunda (24), por conta da reorganização societária da varejista que prevê a incorporação dos papéis com a Americanas S.A (AMER3).

Na operação atual, cada acionista de Lojas Americanas receberá 0,188964 ação de Americanas, para cada papel ordinário ou preferencial que possuir, uma relação de troca baseada em valor econômico a preços de mercado, o que, na visão da XP, é favorável aos acionistas minoritários.

As Lojas Americanas abrirão mão do controle da Americanas S.A, diminuindo sua participação de 53,2% para 29,2%, além de eliminar a estrutura de holding. Dessa forma, a AMER3 se torna uma corporation (empresa sem grupo controlador) listada no mais alto nível de governança, o Novo Mercado.

A XP reforçou ver a concretização da incorporação como positiva, uma vez que a operação melhora os padrões de governança da empresa, elimina o desconto de holding presente em LAME3 e LAME4, aumentará a liquidez de AMER3 e reflete uma relação de troca favorável aos acionistas minoritários.

No mês, os papéis AMER3, LAME3 e LAME4 avançam entre 11% e 13%, mas acumulam queda de até 73% nos últimos 365 pregões.

Os analistas da XP têm recomendação neutra e preço alvo de R$ 45 por ação para AMER3, alta de 28,6%, devido à dinâmica desafiadora do setor frente ao aumento de competição e deterioração macroeconômica.