Logo BP Money
Criptomoedas: 51% dos latino-americanos já utilizaram ativos digitais, aponta pesquisa da Mastercard
AliExpress anuncia ampliação no número de voos para o Brasil
Internacional

TikTok migra dados de usuários dos EUA para servidores Oracle

Medida surge na tentativa de dissipar os temores sobre sua segurança nas mãos de uma plataforma de propriedade da ByteDance na China

por Alexandre Puga

19 de junho de 2022 12:17Atualizado em: 21 de junho de 2022 18:01
TikTok migra dados de usuários dos EUA para servidores Oracle

O TikTok anunciou que a Oracle armazenará todos os dados de seus usuários norte-americanos, na tentativa de dissipar os temores sobre sua segurança nas mãos de uma plataforma de propriedade da ByteDance na China, na sexta-feira (18). O TikTok antes armazenava esses dados em seus próprios data centers no estado da Virgínia, com backup em Cingapura.

A medida ocorre quase dois anos após um painel de segurança nacional dos EUA mandar a ByteDance vender o TikTok devido a temores de que os dados de usuários norte-americanos pudessem ser repassados ao governo comunista chinês. 

A Oracle apareceu como uma das interessadas na compra de parte do app desde que o então presidente dos EUA, Donald Trump, emitiu uma ordem executiva que proibia "transações" com a chinesa ByteDance, ameaçando banir a rede social do país caso ela não fosse vendida.

Os funcionários da ByteDance acessaram, em diferentes oportunidades, informações sobre usuários americanos do TikTok, como revelou uma matéria do portal norte-americano "Buzzfeed", citando um áudio vazado das reuniões internas do aplicativo.

"Continuaremos a impulsionar nosso objetivo de limitar o número de funcionários que têm acesso aos dados dos usuários e os cenários, nos quais o acesso a dados é ativado", afirmou o diretor de Segurança da Informação do TikTok, Roland Cloutier, em um comunicado.

A Oracle atua em soluções corporativas e foi fundada em 1970. A companhia é referência no gerenciamento de bancos de dados e servidores para empresas, escolas e governos, e também atua na infraestrutura de servidores na nuvem e na área de inteligência artificial. 

Avaliada em US$ 180 bilhões, ela é concorrente de gigantes como Microsoft (MSFT34) e Amazon (AMZO34) no segmento de servidores na nuvem, e de companhias como SAP e Salesforce na área de bancos de dados.

No anúncio da parceria entre ByteDance e a Oracle, a companhia norte-americana afirmou que seria uma "provedora confiável de tecnologia" para o TikTok.