Privacidade e cookies: Utilizamos cookies no nosso website para melhorar o desempenho e a sua experiencia como utilizados.Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso. Visite nossa Política de Cookies para saber mais.
Ícone do aplicativo na loja

BP Money

Grátis na App Store

Abrir

Dinheiro

Funchal: Auxilio Brasil deve ter valor de R$ 300 

Redação BP Moneyem 17 de setembro de 2021 15:59
  • Por 2022 ser um ano eleitoral, o programa precisaria ser criado neste ano, disse o secretário;
  • Em decorrência do aumento temporário do IOF será viável a vigência do novo programa social do governo;
  • Segundo Funchal a projeção para déficit primário neste ano, hoje em 1,8% do PIB, pode melhorar um pouco no próximo relatório bimestral.

O  secretário especial do Tesouro e Orçamento do Ministério da Economia, Bruno Funchal, afirmou na tarde desta sexta-feira (17) que o novo programa de transferência de renda que  substitui o Bolsa Família, o Auxilio Brasil, deve ter uma bolsa de aproximadamente R$300.

Em decorrência do aumento temporário do Imposto sobre Operações de Crédito, Câmbio e Seguro, ou relativas a Títulos ou Valores Mobiliários (IOF), será viável a vigência do novo programa social do governo.

O cronograma coincide com o encerramento da vigência do auxílio emergencial, benefício instituído em 2020 como recurso de combate à crise socioeconômica na pandemia para trabalhadores informais e de baixa renda , que termina em outubro.

Segundo Funchal,  a projeção para déficit primário neste ano, hoje em 1,8% do Produto Interno Bruto (PIB), pode melhorar um pouco no próximo relatório bimestral, a ser divulgado na semana que vem. Por 2022 ser um ano eleitoral, o programa precisaria ser criado neste ano, acrescentou o secretário.

De acordo com o secretário, em 2022, a ideia é compensar o reforço de orçamento do programa social principalmente com a tributação de dividendos, medida proposta no projeto de reforma do Imposto de Renda, ainda em discussão no Congresso.
 

Relacionadas