Logo BP Money
Apple (APPL34) e Kim Kardashian lançam nova coleção de fones
Locaweb (LWSA3) é “top pick” no setor, defende BofA
Economia

FGTS 2022: aniversariantes do mês já podem retirar dinheiro

A migração para o saque-aniversário além de ser opcional, deve ser informada à Caixa

Mage Cotait

por Mage Cotait

1 de agosto de 2022 8:38Atualizado em: 1 de agosto de 2022 8:41
FGTS 2022: aniversariantes do mês já podem retirar dinheiro
FGTS 2022: aniversariantes do mês já podem retirar dinheiro/Foto:divulgação

Os trabalhadores nascidos em agosto já podem aderir ao saque-aniversário do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) a partir desta segunda-feira (1). O prazo é até o final do mês e os aniversariantes de agosto também podem retirar parte do fundo. A migração para o saque-aniversário além de ser opcional, deve ser informada à Caixa. 

Quem escolher migrar o saque-aniversário perde a possibilidade de sacar o valor integral do fundo se for demitido, porém terá um dinheiro a mais no atual cenário de alta da inflação. 

O acesso à multa rescisória de 40% sobre o valor depositado pelo empregador em caso de desligamento sem justa causa permanece igual, junto com a possibilidade de saque para compra da casa própria, aposentadoria ou doença grave.

O saque fica disponível por três meses, a partir do primeiro dia útil do mês de aniversário do trabalhador. Quem optar pelo saque-aniversário e depois mudar de ideia terá que esperar 24 meses para a mudança fazer efeito. Quem preferir ficar no modelo tradicional de acesso ao FGTS não precisa fazer nada.

Migração do FGTS pode ser feito pelo app ou site

Para migrar para o saque-aniversário, a pessoa deve fazer a adesão pelo aplicativo do FGTS ou pelo site da Caixa. O sistema Caixa Econômica permite que você faça uma simulação de quanto irá receber pelo saque-aniversário, com base no seu atual saldo. 
 
Para quem migrar para o saque-aniversário, a quantia liberada anualmente depende do saldo somado de contas no fundo de garantia (para quem tiver mais de uma) de cada um. Para os saldos acima de R$ 500, é acrescida uma parcela adicional fixa em reais, além de um percentual do fundo. 
 
Para consultar o valor disponível do FGTS que cada pessoa tem, ela deve acessar o site da Caixa ou o aplicativo FGTS. Caso a pessoa não tenha acesso a nenhuma dessas plataformas, ela pode ligar para o número 0800 724 2019 ou, em último caso, ir até uma agência do banco.