Privacidade e cookies: Utilizamos cookies no nosso website para melhorar o desempenho e a sua experiencia como utilizados.Ao continuar a usar este site, você concorda com seu uso. Visite nossa Política de Cookies para saber mais.
Ícone do aplicativo na loja

BP Money

Grátis na App Store

Abrir

Dinheiro

BC anuncia limite de Pix de mil reais à noite

Redação BPMoneyem 27 de agosto de 2021 17:57
  • Sistema de segurança funcionará durante o período das 20 horas até às 6 horas
  • Os clientes poderão cadastrar com antecedência algumas contas que poderão receber acima do limite previsto

O Banco Central brasileiro anunciou nesta sexta-feira (27) que irá aumentar a segurança da tecnologia Pix para combater crimes, como transferências em sequestros-relâmpago, realizadas por meio da ferramenta. A entidade não informou quando os processos começarão a funcionar.

Entre as medidas, está a determinação do limite de mil reais para operações com Pix, cartões de débito e TED entre pessoas físicas entre 20h e 6h, inclusive para transações entre contas do mesmo banco.

Depois do lançamento do novo meio de pagamento, em novembro do ano passado, pessoas têm tirado vantagem da facilidade e da rapidez do Pix para aplicar golpes ou para pedir que a vítima transfira grandes quantias rapidamente durante roubos ou sequestros.

Criminosos costumam usar contas de laranjas para receber o dinheiro, o que dificulta o rastreio da polícia para reaver os valores e desarticular as quadrilhas.

O BC também pretende estabelecer prazo mínimo de 24 horas e máximo de 48 horas para a efetivação de pedido do usuário, feito por canal digital, para aumento de limites de transações com Pix, TED, DOC (Documento de Ordem de Crédito), transferências internas, boleto, e cartão de débito.

A instituição afirmou que o objetivo é impedir o aumento imediato em situação de risco.

Com as novas regras, o cliente poderá estabelecer limites diferentes no Pix nos períodos diurno e noturno, permitindo valores menores durante a noite, por exemplo.

Outra mudança é que os clientes poderão cadastrar previamente contas que poderão receber Pix acima dos limites estabelecidos, mesmo mantendo a quantia máxima baixa para as demais transações. Para evitar que o cadastro seja feito durante um sequestro ou roubo, será estabelecido um prazo mínimo de 24 horas para o registro.

Relacionadas