Ícone do aplicativo na loja

BP Money

Grátis na App Store

Abrir
Logo BP Money
Drake perde mais de R$ 1 milhão após apostar em piloto da Ferrari na Fórmula 1
Paola Carosella: restaurante de chef é atacado nas redes após polêmica
Infleet: logtech baiana capta R$ 2,6 milhões com DOMO e Bossanova liderando
Web 3.0

Fidelity projeta ETFs com empresas de cripto e metaverso 

Ambos os ETFs terão aconselhamento da Geode Capital Management 

por Redação BP Money

28 de janeiro de 2022 20:02
Fidelity projeta ETFs com empresas de cripto e metaverso 

 A Fidelity Investments protocolou um pedido na Comissão de Valores Mobiliários (SEC) dos EUA para a criação de um par de ETFs associados a companhias relacionadas a indústrias de metaverso e criptomoeda. 

Um primeiro ETF tem o nome de Fidelity Metaverse e vai buscar retornos comparáveis a um índice proprietário composto por ações de empresas que gerem pelo menos 50% de sua receita total em categorias como infraestrutura digital, hardware e componentes de computação, tecnologia de jogos e vestuário, segundo um dos comunicados. 

Já o ETF Fidelity Crypto Industry and Digital Payments  tem como objetivo replicar o desempenho de um índice interno composto por empresas envolvidas em negócios como mineração de criptomoedas, tecnologia blockchain, serviços de suporte a criptomoedas, além de processamento de pagamentos digitais. O ETF não investirá em criptomoedas reais ou ofertas iniciais de moedas. 

Os dois ETFs estarão sob o aconselhamento da Geode Capital Management, que vai contar com Deane Gyllenhaal, Louis Bottari e Peter Matthew no time de gerentes, de acordo com o comunicado. As taxas cobradas não foram divulgadas. 

A Fidelity Investments Canadá entrou com um pedido em novembro do ano passado para começar um ETF canadense que iria oferecer aos investidores exposição ao Bitcoin. Esse tipo de fundo até agora enfrentou relutância dos reguladores dos EUA.