Logo BP Money
Criptomoedas: 51% dos latino-americanos já utilizaram ativos digitais, aponta pesquisa da Mastercard
AliExpress anuncia ampliação no número de voos para o Brasil
Opiniões

Renovação deve ser constante nas empresas, mesmo nas tradicionais

A rede pertence a TecBan tem mais de 24 mil unidades no Brasil e é a terceira maior de ATM’s do mundo

Nicolau Eloy

por Nicolau Eloy

25 de novembro de 2021 10:30Atualizado em: 31 de maio de 2022 9:21
Renovação deve ser constante nas empresas, mesmo nas tradicionais

O banco 24 horas é um clássico, tem em toda esquina e sempre salvava naquele momento de maior necessidade. A rede pertence a TecBan, um conglomerado controlado por Itaú, Bradesco, Santander, Banco do Brasil e Caixa, tendo mais de 24 mil unidades no Brasil e sendo a terceira maior de ATM’s do mundo.

Primeiro, como uma empresa tão tradicional pode pensar fora da caixa e gerar mais receita utilizando sua própria estrutura? As suas máquinas estão presentes em boa parte das regiões, em pontos bem localizados e sempre sendo utilizadas. Nada mal para um ponto de publicidade, não é mesmo? Um negócio totalmente fora do core business deles, mas que pode ser uma segunda via de receita alternativa, sem alterar o negócio.

Segundo, como eu te disse no início do texto, a rede sempre te “salvava”, pois hoje, com pix, máquinas de cartão, entre outros, você sempre tem uma alternativa para fugir do dinheiro físico. E com a democratização dos smartphones, quase nunca precisa ir a uma ATM resolver algo. Isso, claro, se estiver em um grande centro, pois em cidades remotas ainda tem uma grande quantidade de dinheiro físico circulando e quase nenhuma opção de banco. Então, por que não começar a atacá-las?

Atualmente não é mais preciso ir a uma ATM, já que existe a opção “sacar recursos” em caixas de estabelecimentos, como farmácias ou supermercados, facilitando assim a gestão do recurso e também a vida dos clientes. Entretanto, a grande questão é: hoje ainda temos grande parte do Brasil desassistida. No entanto, com um Brasil cada vez mais tecnológico, por que iríamos precisar sacar dinheiro ou fazer qualquer tipo de operação em uma ATM?

Fica o questionamento... 

Nicolau Eloy

Nicolau Eloy

Sócio da BP MoneyNicolau Eloy é empresário e CEO do BP Money. Estudou Engenharia de Produção na UFBA e sempre foi apaixonado por mercado financeiro e empreendedorismo.