Logo BP Money
Criptomoedas: 51% dos latino-americanos já utilizaram ativos digitais, aponta pesquisa da Mastercard
AliExpress anuncia ampliação no número de voos para o Brasil
Opiniões

Confira 5 livros que todo investidor deveria ler

Lista feita pela BP Money traz obras para ajudar os investidores a alcançar sua independência financeira

por Redação BP Money

29 de dezembro de 2021 8:00Atualizado em: 31 de maio de 2022 9:32
Confira 5 livros que todo investidor deveria ler

Todo investidor deve ter em mente os conceitos e técnicas econômicas e estudar as histórias de sucesso que o farão chegar ao seu objetivo. A equipe da BP Money reuniu as indicações de vários especialistas e montou a melhor seleção de 5 livros que todo investidor deve ler.

Estão preparados?

 1. A bola de neve: Warren Buffett e o negócio da vida

A biografia de Warren Buffet não é um tratado de economia nem de investimentos.

É a vida de um homem comum, mas que desde muito cedo revelou a sua paixão pelo dinheiro. Com 7 anos pediu o seu primeiro livro de ações e aos 11 fez o seu primeiro investimento.

Poderia também ser um manual sobre fazer renda extra porque Buffet desde muito novo conciliou seus pequenos negócios milionários com as atividades escolares.

Warren Buffet é o maior investidor do mundo e os que falam que foi apenas sorte deveriam ler este livro.

A todos os que querem aprender como o trabalho, estudo e persistência trazem tantos resultados para a nossa vida financeira e pessoal, este é o livro certo.

2. O investidor inteligente 

Esse foi o livro que a lenda Warren Buffett leu no começo da sua carreira como investidor e que, segundo ele, moldou toda a sua forma de pensar sobre investimentos.

Benjamin Graham além de ter sido o investidor mais bem sucedido nos Estados Unidos entre os anos 1950 e 1970, superando anualmente em até 50% o rendimento médio do Mercado, foi também um dos precursores da análise fundamentalista nos investimentos conhecida como Buy and Hold.

Suas ideias dão base às teorias de investimentos posteriores e seus livros são estudados em Universidades de Administração até hoje. Além disso, vale citar que um de seus alunos mais bem sucedidos é Warren Buffett.

Em seu livro, O Investidor Inteligente, Graham trata sobre como devemos nos portar em relação a nossos investimentos. De hábitos e atitudes que precisamos construir e manter, para que nossas escolhas neste campo reflitam rendimentos, ofereçam uma proteção apropriada e nos auxiliem a construir uma Carteira sólida com o passar do tempo.

Essa estrutura intelectual envolve conhecimentos também, mas principalmente, implica que sejamos fiéis a certos princípios de investimento.

 3. Os Axiomas de Zurique 

Um dos maiores livros sobre investimentos de todos os tempos. O sistema bancário suíço é um dos mais ricos do mundo. Milionários de todos os continentes aplicam no país não só pelo anonimato oferecido por suas instituições financeiras. 

Investidores que sabem como poucos ganhar dinheiro por meio de métodos e princípios que funcionam em qualquer lugar, sob quaisquer condições econômicas. Max Gunther revela os segredos de um grupo exclusivo de homens que, depois da Segunda Guerra Mundial, resolveu ganhar dinheiro investindo em várias frentes, de ações a imóveis, de commodities a moedas estrangeiras. 

Ganharam muito e transformaram a Suíça em um dos países mais abastados. Neste livro, o autor apresenta as regras e princípios infalíveis que esses banqueiros estabeleceram para diminuir riscos e aumentar lucros.

Essas regras preciosas estão divididas em 12 Axiomas principais e 16 secundários, que devem ser seguidos em busca de especulações de sucesso.
  
4. Pai Rico Pai Pobre

O livro sobre finanças pessoais mais vendido da história, traz de forma clara e objetiva os inúmeros conceitos relacionados à educação financeira e dinheiro, tudo isso com base nas suas experiências.

Robert usa como referência seu pai, o chamado pai pobre, e o pai do seu melhor amigo, o pai rico, e é a partir daí, que ele compartilha os ensinamentos passados por cada um deles sobre sucesso na gestão do capital.

Além de trazer a reflexão das diferenças entre os pensamentos de pessoas bem-sucedidas e das que possuem menor controle das suas finanças. A filosofia do autor, mesmo 20 anos após o lançamento da obra, serve como inspiração para muitos investidores e empresários.

5. O homem mais rico da babilônia

 O homem mais rico da Babilônia é um clássico sobre como multiplicar riqueza e solucionar problemas financeiros. Baseando-se nos segredos de sucesso dos antigos babilônios e os habitantes da cidade mais rica e próspera de seu tempo.

George S. Clason mostra soluções ao mesmo tempo sábias e muito atuais para evitar a falta de dinheiro, como não desperdiçar recursos durante tempos de opulência, buscar conhecimento e informação em vez de apenas lucro, assegurar uma renda para o futuro, manter a pontualidade no pagamento de dívidas e, sobretudo, cultivar as próprias aptidões, tornando-se cada vez mais habilidoso e consciente.