Logo BP Money
Criptomoedas: 51% dos latino-americanos já utilizaram ativos digitais, aponta pesquisa da Mastercard
AliExpress anuncia ampliação no número de voos para o Brasil
ColunistasMobills

Como escolher uma conta poupança? 4 dicas!

A poupança ainda é muito escolhida por quem deseja guardar dinheiro, mas como escolher a melhor opção? Continue lendo e veja nossas dicas!

Mobills

por Mobills

18 de maio de 2022 12:00Atualizado em: 24 de junho de 2022 11:39
Como escolher uma conta poupança? 4 dicas!

A conta poupança dos investimentos mais adquiridos pelos brasileiros por ser considerado de modalidade segura, mas, você sabe qual é o melhor banco para abrir uma conta poupança?

Criamos então esse conteúdo com o intuito de lhe informar melhor sobre o assunto e claro, determinar o melhor banco para abrir uma poupança.

Boa leitura!

Como funciona uma conta poupança?

A conta poupança é um tipo de investimento simples, onde todo o dinheiro que você deposita na sua conta serve como um empréstimo para o banco que usa ele para emprestar para outros investimentos.

Além disso, o rendimento da poupança é regulado pelo Banco Central, ou seja, todos os bancos irão lhe oferecer o mesmo rendimento, com as mesmas condições, que são:

Se a taxa Selic estiver com acima ou de 8,5% no ano, o rendimento da sua poupança será de 0,5% ao mês + taxa referencial;

Por outro lado, se a taxa Selic estiver igual ou abaixo de 8,5% ao ano, o rendimento vai ser 70% da taxa Selic + taxa referencial.

4 dicas para escolher uma boa conta poupança

Para escolher o melhor banco para abrir uma conta poupança existem diversas maneiras, que você pode conhecer abaixo:

1. Atendimento ao cliente

O atendimento ao cliente é um dos pontos mais importantes na escolha do melhor banco para abrir a sua conta poupança, afinal de contas, o mínimo que você deve esperar é que o banco te ajude a resolver alguns problemas que podem surgir, não é?

2. Acesso rápido e simples a conta

Algumas atividades, quando você abre a sua conta em um banco, são essenciais para que consiga administrar e checar as informações da sua conta.

Para isso, é importante que o banco escolhido ajude nesse processo e seja simples de ser acessado, além de rápido e com um design intuitivo.

Ou seja, sozinho, você consegue saber o que fazer dentro do aplicativo, por exemplo, ou mesmo do internet banking, sem necessitar de burocracias ou mesmo ser complexo demais encontrar informações e funcionalidades na ferramenta.

Portanto, antes de abrir a sua conta poupança em algum banco, verifique o que as pessoas estão falando a respeito da acessibilidade do aplicativo, site e até caixas eletrônicos.

3. Melhores produtos

Além da própria poupança, é interessante que o banco lhe ofereça outros tipos de serviços ou mesmo investimento, para o caso de você decidir mudar a modalidade, mesmo que seja da renda fixa como a poupança.

Então, veja se o banco oferece esses tipos de serviços e o custo para isso, para que no final, você não saia perdendo.
Avalie o que usa no dia a dia e concilie o máximo que puder entre o que deseja e o que o banco oferece.

4. Bancos que não irão cobrar taxa

Por fim, é essencial que você não escolha um banco que lhe cobre taxa, afinal de contas, o investimento na poupança lhe gera poucos lucros e tem a facilidade de ser isento do Imposto de Renda.

Caso o banco lhe cobre uma taxa, certamente você irá acabar perdendo dinheiro ao invés de ganhar nessa situação.

Além disso, fique atento a outros tipos de taxa como transferências bancárias para outros bancos, saques gratuitos, tarifas e outros itens.

Qual é o melhor banco para abrir uma conta?

O melhor banco irá variar de alguns requisitos e a escolha final está de acordo com o seu perfil. 

Entretanto, é interessante que você busque por bancos que tenham um bom atendimento, sejam próximos da sua casa, ofereçam bons serviços e que não cobrem nada por isso.

Vale a pena manter o dinheiro em uma poupança?

Mesmo que a poupança seja o modelo de investimento mais comum utilizado pelos brasileiros, ela não é a melhor alternativa para você manter o seu dinheiro guardado.

Atualmente existem diversas maneiras de reservar o seu dinheiro, com rendimentos diários como o CDI ou mesmo o Tesouro Direto, que lhe dá a chance de retirar o dinheiro quando quiser e apresentará a mesma segurança que a poupança.

O Tesouro Direto, por exemplo, é um investimento onde você, ao invés de emprestar dinheiro para o banco, empresta ao governo federal.

Ou seja, as chances de você não ter o seu dinheiro de volta é quase nulo, afinal de contas, o país precisa decretar falência para que isso aconteça.
 

Mobills

Mobills

Soluções mais inteligentes para o seu dinheiro